Sindicato dos Trabalhadores em Funções Públicas e Sociais do Sul e Regiões Autónomas
31mar 

As políticas de sucessivos Governos têm sido as principais responsáveis pela imposição da precariedade, através da proibição de contratação na Administração Pública, no fomento dos falsos recibos verdes, na não consolidação de situações de mobilidade, na utilização abusiva e ilegal de Contratos Emprego Inserção, na utilização de contratos de regime de horas, entre tantos instrumentos que violam os direitos mais básicos dos trabalhadores e põem em causa os serviços públicos.

Os trabalhadores mais jovens são os mais afectados pelo trabalho precário mas este é um problema de todos os trabalhadores.No dia da Juventude, 31 de Março, vamos manifestar-nos contra a precariedade e exigir a integração de todos os trabalhadores precários nos serviços.

 

 
Share